Popeye: 90 anos a comer espinafres

YouTube
 17 de janeiro de 2019

Popeye nasceu em 1929 do lápis do cartoonista norte americano Elzie Crisler Segar e começou por ser uma figura secundária da banda desenhada “Thimble Theatre”. A história tinha começado 10 anos antes e focava-se na família Palito (na versão portuguesa), a da namorada de Popeye, Olívia. Popeye surge pela primeira vez a 17 de janeiro de 1929, quando o irmão de Olívia procura um marinheiro numa doca. Era uma personagem secundária mas teve um sucesso inesperado, até para o autor, que viria a morrer poucos anos depois de apresentar Popeye ao mundo.

 

 

A personagem do marinheiro de olho meio fechado, cachimbo na boca e tatuagens de âncoras nos braços, que fica forte quando come espinafres e discute o amor de Olivia com Brutus, conquistou gerações ao longo das últimas 9 décadas. 

 

 

Do papel passou para a televisão e para o cinema. Em 1980 Robert Altman realizou o filme “Popeye”, com Robin Williams no papel principal. O cenário que foi construído para o filme, rodado em Malta, pela Paramount Pictures e a Walt Disney, tornou-se num parque de diversões, o "Popeye Village Fun Park", depois dos habitantes locais terem pedido para não retirarem do local o “mundo” de Popeye.

 

 

 

Agora que faz 90 anos, Popeye adapta-se aos novos tempos e surge num formato moderno. A “Popeye and Friends official” lançou no YouTube uma série de animação com 25 episódios de cerca de 2 minutos, para um público mais jovem, chamada Popeye's Island Adventures. A nova versão tem sido criticada pelas alterações ao original. Nas novas aventuras, Popeye é loiro, troca o cachimbo por um apito e, em vez de comer espinafres em lata, planta a verdura com poderes mágicos no telhado de casa. Brutus perdeu a barba, já não quer roubar o amor de Olivia e só está interessado em ficar com os espinafres de Popeye. Já Olivia é uma feminista, mulher forte, independente e criativa inventora.

Os autores apresentam a nova série  como uma versão renovada e actual com um Popeye mais jovem e ecologista, uma Olívia que é exemplo para todas as mulheres e um antagonista, Brutus, que prefere perseguir os espinafres que dão força em vez de uma mulher. Alguns fãs estão desiludidos. Nos comentários aos episódios até há quem compreenda a necessidade de “modernizar” as personagens, adaptando os conteúdos às crianças de hoje, mas defendem alterações menos radicais, como, por exemplo, dar a Popeye “um cachimbo de bolhas de sabão”, em vez de do apito com que o marinheiro surge nesta série.

AUTOR

Caso tenha alguma correção ou comentário a fazer:
 
Segue-nos

bla bla

911911978