Ouve a Cidade, faz o download da App.
Lusa

Fogo na serra da Estrela 90% dominado

O fogo tem um perímetro de 160 quilómetros.

O incêndio que lavra na serra da Estrela tem 90% do perímetro dominado, de acordo com a Proteção Civil, sendo a frente ativa na Covilhã, distrito de Castelo Branco, a que causa “maior preocupação”.

“Neste momento 90% do perímetro do incêndio encontra-se dominado, sendo que existem 10% por dominar. O incêndio tem uma frente ativa no distrito de Castelo Branco, na Covilhã, entre a Quinta da Atalaia, Teixoso e Orjais, sendo a frente que nos preocupa mais”, disse em conferência de imprensa o comandante nacional de Emergência e Proteção Civil, André Fernandes, na sede da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), em Carnaxide, Oeiras (Lisboa).

De acordo com André Fernandes, é nesta frente que existe “a maior concentração de meios”.

O comandante nacional fez hoje pelas 12:00 um ponto de situação sobre o incêndio rural que deflagrou no dia 06 de agosto em Garrocho, no concelho da Covilhã, e se alastrou para outras zonas da serra da Estrela.

André Fernandes adiantou também que a frente no concelho da Guarda “apresenta vários pontos quentes, com oportunidades de abertura de incêndio caso haja reativações”.

Por isso, alertou, existe uma “grande atenção e monitorização dos meios” para evitar reativações e “janelas de oportunidade para o fogo progredir”.

O responsável frisou também que o fogo tem um perímetro de 160 quilómetros.

Agência Lusa

Mais Notícias