The Guardian destaca fadista Lina Rodrigues

 14 de fevereiro de 2020

A dupla luso-catalã Lina_Raül Refree merece um artigo do jornal britânico The Guardian, com o título "Para além de Rosalía - o fado é o novo flamenco". A fadista Lina Rodrigues e o músico espanhol Raül Refree formam esta dupla destacada pelo texto assinado pelo jornalista Ben Cardew. 

O canto fadista de Lina Rodrigues não é acompanhado pela instrumentação tradicional de cordas, mas sim por sintetizadores e piano elétrico. Esta estética inovadora leva o Guardian a comparar o trabalho do projeto Lina_Raül Refree à ousadia da catalã Rosalía, que tem encorpado o seu flamenco com arranjos eletrónicos. "A dupla trata o material de base com respeito, mas experimenta instrumentação, usando sintetizadores analógicos, piano e ocasionais efeitos de estúdio para dar ao fado um toque espantosamente moderno", escreve-se no Guardian.

Ben Cardew descreve o percurso de Lina Rodrigues como uma fadista de terceira geração que tem formação musical na ópera. E cita Raül Refree, a propósito do choque entre a inovação e o purismo, dentro de um género musical: "precisas dos dois lados: das pessoas que querem preservar tudo como julgam ter sido no início - os puristas. E tens que ter os que experimentam. Não faz sentido um estilo musical que seja intocável”.

O álbum de estreia e homónimo de Lina_Raül Refree foi lançado a 17 de janeiro de 2020. Lina Rodrigues atua como fadista desde 2005, quando interpretou Amália Rodrigues no musical de Filipe La Féria, “Amália”. Lançou dois álbuns de fado tradicional sob o heterónimo de Carolina.


 

AUTOR

Caso tenha alguma correção ou comentário a fazer:
 
Segue-nos

bla bla

911911978